Capa » Dicas sobre Depilação » Depilação na Virilha

Depilação na Virilha

Atualmente, a tendência são as depilações na virilha cada vez mais cavadas que, apesar de essa parte do corpo proteger a higiene íntima da mulher, é mais requisitada pela questão estética. No entanto, alguns cuidados devem ser levados em consideração na hora de optar pela depilação na virilha e a técnica a ser utilizada no local, que é bastante delicado.

Depilação na Virilha

Depilação na Virilha

Cuidados com a depilação da virilha cavada

Em primeiro lugar, os pêlos são como uma barreira para a entrada de impurezas na vagina, sem eles, a região fica suscetível ao aparecimento de infecções. Segundo, uma pele lisinha próxima à vagina também está mais propícia a sofrer inflamações no curto prazo, um exemplo é a foliculite (inflamação do folículo pilo-sebáceo – orifício de onde originam os pêlos e o sebo que protege naturalmente a pele). Por isso, é importante observar a quantidade de pêlo que será retirado da virilha.

Mas isso não exclui a necessidade de se depilar na região da virilha, já que, por outro lado, quando existem pêlos em excesso próximos à vagina, aumenta a possibilidade de resíduos se acumularem no local. Se a higiene não for completa, podem se proliferar microorganismos nos pêlos da mulher.

Depilação com cera ou com gilete

Outra questão além da quantidade de pêlos que será retirado da virilha, é a preocupação com a escolha do método de depilação. Para muitas mulheres, a cera é a melhor escolha para eliminar os pêlos indesejáveis. Utilizando a cera, os pêlos tendem a tornarem-se mais fracos e, por consequência, mais finos.

Especialistas afirmam que entre a cera fria e a morna (ou quente), a opção mais confortável é a morna. Pelo fato de a região da virilha ser bastante sensível, a cera morma não agride tanto a pele como a fria, uma vez que a sua temperatura também relaxa a pele, deixando-a mais preparada para arrancar os pêlos, abrindo os seus poros e diminuindo a dor. A cera fria proporciona uma depilação melhor, mas a dor é mais intensa.

No entanto, profissionais garantem que quando a mulher depila sua pele apenas com cera, a pontinha do pêlo cresce fininha e, por isso, pode não ter força de sair da pele, resultando em pêlos encravados. Uma alternativa é alternar a depilação com cera e com gilete e, além disso, esfoliar a pele de vez em quando, para remover a camada de células mortas e deixar a pele mais fina.

Dicas para um melhor resultado da depilação na virilha

Outro conselho é aparar os pêlos antes de fazer a depilação, pois arrancar pêlos longos é mais complicado e consequentemente mais dolorido.Para não acontecer dos pêlos crescerem muito de tamanho, dificultanto a depilação, o ideal é que a mulher depile a sua virilha de 20 em 20 dias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>